sábado, julho 18, 2009

Sonâmbulo


Numa espécie de limbo, sonâmbulo anda feito pêndulo
Ora pende dormindo, ora pende contra o tempo
E faz deste inimigo atrasado, correndo,justifica um vazio interno, imenso

Fugas mentais ocupam os pensamentos
E se torna incapaz de ocupar a si mesmo
Tvs, cines, jornais, químicas não me tento
Bloquear os canais
Domesticar seus anseios

Que é bom desconfiar dos bons elementos

Feito histórias de moebius, vão tirar sua visão
E te dar olhos passivos adequados a um padrão

(
Céu)



Etiquetas:

4 Comments:

Blogger Patricia said...

Tripla :)

E cada vez melhor!

***

12:37 da manhã  
Blogger Nuno Guronsan said...

Não me canso de ouvir...
Espero não sobrecarregar o Canções com as músicas da Céu... :))

Beijos.

11:09 da manhã  
Blogger Patricia said...

Sobrecarrega à vontade... este lado do Canções não se importa ;)

***

10:50 da tarde  
Blogger Nuno Guronsan said...

Temos de combinar outra troca de Canções... ;))

Beijos.

5:03 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home